quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Identidade

Esqueci-me de apresentar
a ti, minha pessoa.
Afinal, quem mais seria?
Estamos sós.

Esqueci-me de reconhecer
a ti, minha pessoa
Afinal, porque não reconheceria?
Aqui estou eu.

Esqueci-me de dizer
a ti, minha pessoa,
que não se apresenta
nem reconhece
frente ao espelho
que aqui, esta você.

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Tribunal

Deitar-se e o olhar ao teto, seja o travesseiro confortável ou desconfortável, seja sem o travesseiro, basta deitar-se e olhar ao teto...

...seu maior julgamento.

Correr a vida, ignorar cada detalhe comumente tratado como imbecil, observar cada memória como reminiscências sem frutos...

...eis seu maior crime.

Às vezes nunca saímos do tribunal.
Isso não é vida.

sábado, 29 de setembro de 2012

Obsessão


O medo corteja e aniquila
dizem e digo
A realidade é feita de escolhas
Latejo cerebral transmutado em corpo
Receio é incerteza, temor, dúvida, fraqueza
Necessidade, o impulso não será matéria
Pelo mero incidente, dúvida da consequência
Como se, por sua vez, em excremento se transforme
                                         [a miserável vida.
Pensa, e não existe
obscuro, sincero na obsessão pelo notório
Faz e não é
Por medo...
Vazio

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Sorriso

Pois é, Maria...
Se eu descrevesse minha catarse, acho que não teria vida.
Paradoxal, talvez por isso esteja aqui...
Expondo minha morte (vida?), em versos frios,
sem angustias.
Entretanto,

vazio.

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Despedidas são longas

 Suponho seu sorriso

Inconscientemente dorme
E na consciência sonha acordada,
faz seu tarô com areia
Dá um passo pra dentro de si fechando os olhos

   que suas mentiras não sejam verdades
    se o abrigo for muito alto pode desabar

Ache uma corda, uma raiz, se segure se agarre
saia da areia movediça, bajule a corda beije a raiz.
.Divida a raiz e queime a corda.

     Espero a espada traspassar o egoísmo como em um suicídio
      Talvez a sua insolência te consuma.

Simule um deslize e caia na areia
Berre por socorro,
Imbecis sempre aparecem.

Aproveite a catarse.